fbpx
O que você procura?
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt

Veja! Com influência do popart, JP Possos estreia exposição “Com cores”

João Paulo Possos Ferreira, ou apenas JP Possos, é um artista de mão cheia. Pinta, desenha, canta, dança e muito mais. Desde de criança, a única matéria na sua vida é a arte. A equipe do embudasartes.net esteve na vernissage da mais recente exposição do artista e conta tudo para você.

No meio de três irmãos, JP sempre encontrou na família um incentivo em sua trajetória. Tanto os pais quanto as irmãs, Gabriela e Helena, estiveram presentes e acompanharam os passos do talentoso jovem – dos momentos mais divertidos até os mais difíceis na carreira.

E tudo indica que esse apoio gigantesco valeu a pena. Afinal, JP é reconhecido por onde passa. Com dezenas e dezenas de amigos, suas alegres e descontraídas vernissages estão sempre cheias e suas apresentações são recheadas de abraços e elogios.

O estilo é autodenominado pelo artista como inspirado nas culturas indígenas, africanas e hindus. Suas obras, claramente influências da pop art, são coloridas e cheias de curvas.

Seu histórico

Perfil - Conheça JP Possos - embudasartes.net - Tudo sobre Embu das Artes

“Já realizei exposições no MIS (Museu de Imagem e Som) e lugares peculiares, como GoodFellas, Inner Mult Art, Supernatural e a formatura do colégio Santa Cruz. Realizei live painting em todo eles”, pontuou JP, que explicou sobre o live painting, uma modalidade em que o artista pode experimentar a sua obra ao vivo, durante a visitação do público. “Também houve a realização do Call Parade, quando pintei o orelhão da obra chamada ‘Sem Sentido’, e saíram diversas matérias”, contando sobre o evento Call Parade, de 2012.

 


A exposição de JP Possos, ‘Com Cores’

Perfil - Conheça JP Possos - embudasartes.net - Tudo sobre Embu das Artes

JP está com a exposição ‘Com Cores’, em visitação na galeria Solange Viana, pertinho de Embu das Artes, na Granja Viana. “Por incrível que pareça, eu só trabalho com madeira, mas essa aqui [obra principal da exposição] é em canvas”, contou.

“Comecei com a arte por conta de uma desilusão amorosa, e acabei criando esses trabalhos em uma época muito ruim, que me trouxe uma outra visão da vida”, explicou ao ser questionado sobre a sua história. “No começo eu acabei dando muitas obras minhas, e eu nem sabia como era essa questão de material, não sabia como era o mundo da arte. Acabava dando, vendendo por R$ 20 reais, e acabei sendo chamado para uma exposição na Vila Madalena, e aí deu um ‘bum’ na minha arte.”


Serviço

JP POSSOS
COM CORES
Galeria de Arte e Fotografia Solange Viana
Rua São João, 246 – Granja Viana, Cotia – SP
Agende sua visita – 11 4777 0234

Visitação de 18 de março a 21 de abril de 2017
Entrada franca
Segunda a sexta, das 11h às 19h

Comentários

Posts relacionados